A não maternidade na contemporaneidade: um estudo com mulheres sem fi lhos acima dos 45 anos

Daiana Quadros Fidelis, Clarisse Pereira Mosmann

Resumo


Na contemporaneidade, um número crescente de mulheres tem vivenciado a não maternidade, constituindo um fenômeno recente e ainda pouco estudado. Nesse contexto, este estudo investigou os motivos apontados por mulheres associados à vivência da não maternidade, as características desse processo e desdobramentos em suas vidas. Esta pesquisa teve âmbito exploratório e descritivo, com método de análise de dados qualitativo. Participaram cinco mulheres acima dos 45 anos, que declararam ter optado por não serem mães, com as quais foram realizadas entrevistas semiestruturadas. Os dados foram analisados por meio de análise de conteúdo e os resultados apontam que a carreira profissional é indicada como principal motivo associado à vivência da não maternidade. Também se constatou como desdobramento desta escolha que essas mulheres sofrem pressões da sociedade, que culminam em ambivalência dos seus sentimentos. Destaca-se a característica de todas terem vivenciado relacionamentos amorosos conflituosos no percurso de suas vidas, por outro lado, elas declaram contar com expressiva rede social de apoio. 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




ISSN: 1981-1330

DOI 10.29327/226091