A Teoria da Auto-organização, a Economia Solidária e a Etnomatemática: a aprendizagem como fator comum / The Self-Organization Theory, the Solidarity Economy and Ethnomathematics: the learning a common factor

Renata Cristina Geromel Meneghetti

Resumo


A Economia Solidária diz respeito às atividades econômicas organizadas e realizadas solidariamente de forma coletiva e autogestionária. Uma auto-organização, diferentemente de
uma hetero-organização, refere-se a uma forma que produz a si própria. A Etnomatemática, por sua vez, é compreendida como a arte ou técnica de entender a realidade, dentro de um contexto cultural próprio. Este artigo tem por propósito apresentar algumas das principais características dessas teorias, buscando possíveis convergências entre elas. A investigação foi realizada por meio de pesquisa teórica bibliográfica. Como principal resultado, esta pesquisa aponta que essas teorias,
apesar de suas peculiaridades, encontram no conceito de aprendizagem um fator comum, capaz de aproximá-las. Na Teoria da Auto-organização, é a aprendizagem que permite a passagem de um nível de organização para outro mais elevado. Na Economia Solidária, ela é importante para consolidação de um empreendimento desta natureza, que tem a autogestão como característica fundamental. Na
Etnomatemática, a aprendizagem está relacionada a questões de sobrevivência e transcendência do ser humano; e os pressupostos desta teoria podem ser utilizados em ações pedagógicas em Educação Matemática, direcionadas a empreendimentos em Economia Solidária.

The Solidarity Economy regards economic activities organized and carried out in a collective and self-management. A self-organization, unlike a straight-organization, refers to a form that produces itself. The Ethnomathematics is understood as the art or technique of understanding reality, within a cultural context. This article aims to present some key features of these theories, searching for possible convergences between them.  Research was done by means of theoretical research literature. This investigation pointing out that despite their peculiarities the theories have in the learning a common factor, able to bring them together. In the self-organization theory, the learning allows the passage from an organization level to a higher one. In the solidarity economy, it is essential for the consolidation of an entrepreneurship of this nature, i.e. an interpreneurship whose key characteristic is self-management. In Ethnomathematics, the learning is related to questions about the survival and transcendence of the human being; and the assumptions of this theory can
be used in pedagogical practices in mathematics education for enterprises in Solidary Economy.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2014 Renata Cristina Geromel Meneghetti

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

ANÚNCIOS

Conceito A1 na Capes(2019)

Índice h5 do Google Scholar: 13
Índice mediana h5 do Google Scholar:24

eISSN: 2178-7727

Indexações:

A Acta Scientiae é indexada em:
Scopus logoScopusLatindex logoLatindexedubaseEdubase (SBU/UNICAMP)
Sumarios.org logoSumarios.orgGoogle Scholar logoGoogle ScholarPortal Livre (CNEM) logoPortal LivRe (CNEM)
Journals for Free logoJournals for FreeREDIB logoREDIBGaloá DOIGaloá DOI

Creative Commons License
Todos os trabalhos publicados aqui estão sob uma licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.