Educação literária no contexto pré-escolar e no 1º ciclo do ensino básico: das teorias às práticas

Teresa Mendes

Resumo


Com o presente artigo, defende-se que a Educação Literária deve ter início o mais cedo possível na vida da criança porque é a partir desse contacto privilegiado e sistemático com o livro de qualidade estética e literária que se estabelecerão os alicerces de uma eficaz formação do leitor competente e crítico. As abordagens educativas e pedagógico-didáticas realizadas quer por educadores de infância quer por professores do ensino básico pautar-se-á, naturalmente, pela exploração de aspetos estruturais, discursivo-estilísticos e narratológicos que permitirão à criança desenvolver a sua capacidade inferencial e o seu pensamento crítico. Assim, e em resultado da dinamização de oficinas de caráter formativo sobre Educação Literária junto de educadores e professores, e tendo como suporte metodológico a análise qualitativa de relatórios elaborados nesse âmbito, pretende-se repensar as estratégias de promoção da Educação Literária desde a primeira infância, pelos efeitos duradouros que ela poderá acarretar na formação leitora dos mais novos.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.